Suspeito de estupro de vulnerável contra filha é preso em Bela Cruz

180625_ENTREGA-VIATURAS_CG0837-1.jpg

A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), por meio da Delegacia Municipal de Bela Cruz, deu cumprimento a um mandado de prisão preventiva por estupro de vulnerável em desfavor de um homem suspeito de estupro da própria filha. Deste modo, a prisão ocorreu nesta quinta-feira (25), na localidade de Baixa Nova, em Bela Cruz – Área Integrada de Segurança 17 (AIS 17) do Estado. O crime foi registrado em agosto de 2019 em Bela Cruz.Suspeito de estupro

Ainda assim, após investigações sobre a ação criminosa, a autoridade policial representou judicialmente pela decretação de um mandado de prisão preventiva em desfavor do indivíduo de 37 anos, com antecedentes criminais por lesão corporal dolosa. Assim, ele foi capturado em uma residência na região, onde ainda convivia com a vítima.

investigações.

Dessa forma, conforme investigações, a vítima, hoje com 12 anos de idade, era abusada sexualmente pelo pai desde os 10 anos. Como resultado, resultou em uma gravidez precoce. Assim, a paternidade do indivíduo foi confirmada. A vítima e a criança recém-nascida estão sob a tutela do Conselho Tutelar do município.

Portanto, após a captura, o homem suspeito de estupro, foi encaminhado para unidade policial e posteriormente conduzido para unidade do sistema penitenciário, onde está à disposição da Justiça.

O que diz a lei?

O estupro de vulnerável, previsto no artigo 217-A do Código Penal, consiste em ter conjunção carnal ou praticar outro ato libidinoso com menor de 14 (catorze) anos. A pena prevista é de reclusão, de 8 a 15 anos.

Denúncias

A Polícia Civil ressalta que a população pode contribuir repassando informações que possam auxiliar os trabalhos policiais na região. As denúncias podem ser feitas para o número (88) 3663-1925, ou para o WhatsApp da Delegacia Municipal de Bela Cruz, pelo número (88) 99767-4429. O sigilo e o anonimato são garantidos.

*Para resguardar a identidade da vítima, o nome do suspeito não será divulgado.

Deixe uma resposta

scroll to top
error: O conteúdo está protegido !!
%d blogueiros gostam disto: